Sou expert em dormir, comer e reclamar. Sou o rei da ironia, da frieza e da brutalidade. Domino a arte de não fazer absolutamente nada. Sou tão desastrado que caio até em superfícies planas. Choro por besteira e ainda assisto desenhos infantis. Mas quer saber? É meu jeito de ser, e não mudo por ninguém. Prefiro ser taxado de “estranho” do que de “normal”.

“As almas boas sempre quebram a cara.”

Amor á vida.    (via sociedadedosfalsospoetas)

“Porque sinto falta de teu gosto e de tua fala. Porque sem você sou transparente de tudo, e ao mesmo tempo, uma aquarela de nada.”

Abraão Moura. (via infeccion)

“Mas eu ainda me lembro daquele dia em que nos conhecemos.”

Lana Del Rey  (via romanteios)

“Eu não sei o que espero. Na verdade, nem mesmo sei se espero alguma coisa.”

Incógnita. (via capacitadora)

a falsidade de algumas pessoas chega a ser engraçado